Instituto Latino Americano de Sepse – Sepse em Foco - Nº 05- Março - 2016
 
 
 
ILAS e COREN-SP emplacam cursos de capacitação para o diagnóstico e tratamento da sepse e preparam lançamento de livro
Em 2015, o COREN-SP Educação e o Instituto Latino Americano da Sepse (ILAS) se uniram para capacitar profissionais Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares de Enfermagem para o diagnóstico precoce da sepse e lançaram o Projeto Qualifica Sepse.

A proposta é levar a ação por todo o estado de São Paulo, onde, atualmente, a parceria já conta com 90 hospitais cadastrados. Até o momento, instituições da Capital do Estado e a cidade de São José do Rio Preto já receberam o Projeto. Já estão agendados cursos em outras cidades do interior, entre elas Ourinhos.

“A ideia é despertar no profissional a associação de suas ações desenvolvidas no cotidiano do seu trabalho ao reconhecimento da sepse. As ações passam pelo reconhecimento precoce da doença, a coleta correta de culturas e a administração de antibiótico, que deve ocorrer em até uma hora”, explica a Profª Dra. Renata Pietro, Conselheira Responsável pelas atividades do Projeto Qualifica e pelo COREN-SP Educação.

A Conselheira salienta que um dos principais focos é colaborar para a redução da incidência de sepse no estado e melhorar a taxa de recuperação dos pacientes identificados com a doença. “Nosso intuito é ampliar a conscientização dos profissionais e despertar o reconhecimento precoce desta síndrome”, complementa.

Representando a coordenação do ILAS, a Dra. Flavia Ribeiro Machado, acrescenta, ainda, que existe a intenção de elaborar um material educativo para a realização do curso à distância, e não apenas de forma presencial. A médica complementa que, além do primeiro contato com o paciente e da percepção dos primeiros sinais (como taquicardia, taquipneia, diminuição do volume urinário, falta de ar, entre outros), o profissional de enfermagem deve trabalhar em parceria com o médico no tratamento da doença. “Depois do diagnóstico feito, cabe à enfermagem ajudar, por exemplo, na administração do antibiótico, na ressuscitação hemodinâmica, e providenciar, adequadamente, exames de sangue”.

As instituições interessadas em se inscrever no Projeto Qualifica Sepse devem acessar o site do Coren-SP (www.coren-sp.gov.br) e solicitar o registro no campo “Fale conosco”.

Lançamento livro – ILAS e Coren-SP se preparam para lançar o livro “Sepse um problema de saúde pública – A atuação e colaboração da Enfermagem na rápida identificação e tratamento da doença”.

“Nessa primeira leva, estamos imprimindo 84 mil exemplares que serão distribuídos aos alunos dos cursos. A nossa intenção é lançar o texto, que traz as chancelas das duas instituições, durante o Fórum Internacional de Sepse, que acontece em abril (7 e 8), em São Paulo”, disse a Profª Dra. Renata Pietro.

Ao todo serão impressos 460 mil exemplares. A obra também será disponibilizada em breve para download no site do Coren-SP.
 
  Voltar